domingo, 23 de janeiro de 2011

Abraço e aperto!

abraço é querer ser um quando se é dois.

é o plug onde são recarregadas as energias consumidas por um dia inteiro de trabalho e a noite, quando te abraço, não me preocupo se o cotidiano está doendo. Os braços envoltos cicatrizam os pequenos machucados das rotinas.O pequeno espaço ocupado dentro de dois braços tem o tamanho do mundo e conforto de um lar.





"De repente - ou não de repente, mas tão aos pouquinhos, e tão igual todo dia que era como se fosse assim, num piscar de olhos, num virar de página - passou-se muito tempo."

Caio Fernando Abreu

Um comentário:

Remo disse...

Vou te seguir gostei do seu blog, vou deixar meu link ok! http://traçosdoinstante.blogspot.com